sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Santo Morales

Santo Morales

Santo Morales é um “ser musical”. Pode-se dizer que nasceu com um violão nos braços. Seu nome é Sidney Espirito Santo Moraes. É brasileiro nascido em Sorocaba, interior de São Paulo, em 15 de outubro de 1925 .Tem sete irmãos, todos ligados à música e os pais são José Julio e Maria da Conceição. De família pobre, estudou Mecânica, Desenho Técnico, pois eram cursos profissionalizantes, e era isso que queria. Mas com o violão debaixo do braço. Tanto que fez o Curso Superior de Música e começou a dar aulas, já em São Paulo, no Senai. E logo começou a cantar na PR7 em Sorocaba. Na capital, para onde logo trouxe toda a família, já que Sidney é muito ligado à ela, foi para a Televisão Tupi e tomou parte do show de inauguração da PRF3-Tupi de televisão, em 18 de setembro de 1950. Formou um quarteto: “Garotos Vocalistas”, que no dia da festividade recebeu o nome de “Os 4 amigos”, cantando uma música cubana com Wilma Bentivegna. E dali para a frente nunca mais o rapaz musical separou-se da arte. Com a família toda em São Paulo, enorme coragem, enorme responsabilidade, foi colocando os irmãos em funções humildes na televisão: uma foi ser telefonista, outro secretário, e assim por diante. Sidney era o chefe da casa, por ser o irmão mais velho. Casinha pequena e cheia de arte. Formou então o grupo “Os 3 Moraes”, que foi considerado o mais afinado trio musical. Ele e seus irmãos. Mas logo Sidney Santo Morales foi contratado para o “Conjunto Farroupilha” e aí sua carreira realmente decolou. Viajou o mundo inteiro. Esteve em Nova York, tocando na Rádio City, em Paris, no Moulin Rouge, em Montevideo, em Buenos Aires, etc. Conheceu o mundo, fez sucesso e dinheiro. Casou-se com Jeny e teve três filhos, mas um veio a falecer, depois de uma vida difícil, pois era cardiopata. O golpe foi fundo e até hoje vêm lágrimas aos olhos do cantor, quando fala no filho morto. Sidney sempre tocando, cantando, ensinando violão. Gravou muitas músicas. Recebeu prêmios: “Disco de Ouro”, “Disco de Platina”. E teve música lançada ao mesmo tempo, em 18 países. Fez muito sucesso no México, tendo voltado à carreira solo e passado a usar o nome de Santo Morales, pois quase sempre cantava boleros em castelhano, com um sotaque considerado perfeito, e vendendo no México mais que os Mexicanos. Sidney é também compositor de centenas de músicas. E passou ainda a ser produtor musical, tendo produzido, por exemplo, a música que lançou os “Secos e Molhados”, que teve um sucesso enorme no Brasil, e foi lançada pela Gravadora Continental. Quando estava dirigindo a Chantecler, lançou “Raizes de América”, outro grupo de enorme sucesso. Santo Morales ainda está na ativa, apesar de ter 73 anos. Gravou e lançou um CD em 1997, e vende sempre, pois “o mundo continua romântico”, diz ele, “e gosta de dançar de rosto colado”. “É essa a minha sorte”. Mas a verdade é que sua sorte é ter nascido tão afinado, tão musical, tão apaixonado pela música e ser o rapaz correto, responsável e respeitado que ele é hoje e sempre. Todos gostam de estar com Sidney Moraes e ouvi-lo em seus shows “Boleros com amor”.

Santo Morales Orquestra e Vocal
- 1978 -
Boleros Con Amor Vol. 1

Lado A - Medley Boleros

01. Desesperadamente
02. Amor
03. Besame Mucho
04. Solamente Una Vez
05. Ahora Seremos Felices
06. Dos Almas
07. Pecado
08. Pecadora
09. Tres Palabras
10. Nunca Jamás
11. Quizás... Quizás...
12. Me Voy Pa'L Pueblo
13. Sabor A Mi
14. La Barca
15. Frenesi
16. Perfidia
17. Palabras de Mujer
18. Tu, Solo Tu
19. Te Quiero, Dijiste
20. Cuando Calienta El Sol
21. Un Poquito de Tu Amor

Lado B - Medley Boleros

22. Gracias a La Vida
23. Aquellos Ojos Verdes
24. Somos
25. Eclipse
26. Esta Tarde Vi Llover
27. Una Mujer
28. Final
29. Venganza
30. La Mentira
31. Una Aventura Más
32. Traicionera
33. Sinceridad
34. Hipocrita
35. Adios
36. Una Lagrima En La Garganta
37. Adios Mariquita Linda
38. Vereda Tropical
39. Contigo En La Distancia
40. Contigo
41. Y Después Del Amor
42. Acercate Más


Santo Morales Orquestra e Vocal
- 1979 -
Boleros Com Amor Vol. 2

01. La Paloma - Frio En Alma - Lagrimas De Sangre
02. Todo Se Acaba - Alma Vanidosa
03. Corazon De Melon - Que Sera De Mi China
04. Estar Sin Ti - Sin Motivo
05. Quiereme Mucho - Historia De Un Amor - Rayito De Luna
06. Lamento Borincano - El Manisero - Para Vigo Me Voy
07. Pan-Ran-Pan-Pan - Siboney - Sin Ti
08. La Puerta - Somos Novios - Noche De LLuvia
09. Juguete - Sabrás Que Te Quiero - Toda Una Vida
10. Mienteme - Sabrá Dios - Angustia
11. Se Muy Bien Que Vendrás - Piel Canela
12. Mi Ultimo Fracasso - Nosotros - Porque Te Vas
13. Camino Verde - A Veces Tu, A Veces Yo
14. Noche De Luna - La Ultima Noche
15. Luna Lunera - El Cubamchero - Adios Diré

Santo Morales Orquestra e Vocal - Recuerdos

01. Abrazame asi
02. Tormenta (Stormy)
03. Como fué
04. Si (If)
05. Malagueña salerosa
06. Bachata rosa
07. Porque ya no me quieres
08. Cubanacan
09. Yo te recuerdo
10. Sabor a mi
11. Cachito
12. Bella Maria de mi alma
13. Que te parece
14. Volveré alguna vez
15. Capullito de aleli

Informações e Links por email - Aqui

Information and links via email -
Here

Nat King Cole

Nat King Cole

Nat King Cole, nome artístico de Nathaniel Adams Coles, (Montegomery, 17 de março de 1919 — Santa Mônica, 15 de fevereiro de 1965) foi um cantor e músico de jazz norte-americano. Sua voz marcante imortalizou várias canções como: Mona Lisa, Stardust, Unforgettable, Nature Boy, Christmas Song, "Quizás, Quizás, Quizás", entre outras, algumas das quais em língua espanhola e portuguesa.
Nat King Cole aprendeu a tocar piano na igreja onde seu pai era Pastor. Desde criança ele esteve ligado à música, chegando a se apresentar junto com o coral da mesma igreja onde seu pai atuava. Desde cedo sofreu por causa do preconceito aos negros, chegando a se apresentar para plateias brancas e negras separadamente. Apresentou um programa na TV norte-americana, com grande audiência, mas que acabou sendo extinto pois os patrocinadores não queriam seus produtos associados a um homem negro. Suas músicas românticas tinham um toque especial junto a sua voz associada ao piano, tornando-o assim, um artista de grande sucesso. Por ter um hábito de fumar diariamente três maços de cigarro, o cantor morreu vítima de câncer. Um de seus últimos trabalhos foi no filme Cat Ballou, onde canta a balada da personagem título, interpretada por Jane Fonda.

Nat King Cole - The Christmas Album

01. The Christmas Song
02. Deck the Halls
03. Frosty the Snowman
04. I Saw Three Ships
05. Buone Natale
06. Adeste Fideles
07. O Little Town of Bethlehem
08. The Little Boy That Santa Claus Forgot
09. O Tannenbaum
10. The First Noel
11. The Little Christmas Tree
12. Hark! The Herald Angels Sing
13. The Happiest Christmas Tree
14. Joy to the World
15. O Holy Night
16. Caroling, Caroling
17. A Cradle in Bethlehem
18. AwayIn A Manger
19. God Rest Ye Merry Gentlemen
20. Silent Night

Nat King Cole - 1980 - Collection 30 Sucessos Em Espanhol

01. Quizas Quizas Quizas
02. La Feria De Las Flores
03. Tres Palabras
04. Yo Vendo Unos Ojos Negros
05. Vaya Con Dios
06. Aqueles Ojos Verdes
07. Ay Cosita Linda
08. Solamente Una Vez
09. Cachito
10. Las Mananitas
11. Adios Mariquita Linda
12. Noche De Ronda
13. Te Quiero Dijiste
14. No Me Platiques
15. Fantastico
16. Ansiedad
17. El Bodeguero
18. Nadie Me Ama
19. Capullito De Alheli
20. Adelita
21. La Golondrina
22. Arrivederci Roma
23. Perfidia
24. Piel Canela
25. Maria Elena
26. Guadalajara
27. Acercate Mas
28. Las Chapanecas
29. El Choclo
30. Aqui Se Habla En Amor

Informações e Links por email - Aqui

Information and links via email -
Here

José Mário Branco

José Mário Branco (Porto, 25 de Maio de 1942) é um músico e compositor português. Filho de professores primários, cresceu no Porto e frequentou o curso de História, na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, que não concluiu. Expoente da música de intervenção portuguesa, iniciou a sua carreira durante o Estado Novo, tendo sido perseguido e exilado em França, entre 1963 e 1974. Com ele trabalharam José Afonso, Sérgio Godinho, Luís Represas, Fausto e Camané, entre outros, com os quais participou em concertos ou em álbuns editados como cantautor e/ou como responsável pelos arranjos musicais. Igualmente compôs e cantou para o teatro, o cinema e a televisão. Em 1974 fundou o GAC - Grupo de Acção Cultural com o qual gravou dois álbuns.
Entre música de intervenção, fado e outras, são obras suas famosas os discos Ser Solidário, Margem de Certa Maneira, A noite e o emblemático FMI, obra síntese do movimento revolucionário português com seus sonhos e desencantos. Esta última foi pelo próprio proibida de passar em qualquer rádio, TV ou outro tipo de exibição pública[carece de fontes?]. Não obstante este facto, FMI será, provavelmente, a sua obra mais conhecida. O seu álbum mais recente, lançado em 2004, intitula-se Resistir é Vencer em homenagem ao povo timorense que resistiu durante décadas à ocupação pelas forças da Indonésia logo após o 25 de Abril. O ideário socialista está expresso em muitas das suas letras.
Em 2006, com 64 anos, José Mário Branco iniciou uma licenciatura em Linguística, na Faculdade de Letras da Universidade Clássica de Lisboa. Terminou o 1º ano com média de 19,1 valores, sendo considerado o melhor aluno do seu curso [1]. Os prémios que lhe foram atribuídos, rejeitou, dizendo que é algo normal numa carreira académica.

José Mario Branco - 1982 - Ser Solidário

Disco 1

01. Travessia do deserto
02. Queixa das almas jovens censuradas
03. Vá...Vá...
04. A morte nunca existiu
05. Fado da tristeza
06. Fado Penélope
07. Qual é a tua, ó meu?
08. Eu vim de longe, eu vou p'ra longe

Disco 2

01. Inquietação
02. Não te prendas a uma onda qualquer
03. Linda Olinda
04. Treze anos, nove meses
05. Sopram ventos adversos
06. Eu vi este povo a lutar
07. Ser solidário
08. FMI

Informações e Links por email - Aqui

Information and links via email -
Here

domingo, 18 de outubro de 2009

The Floaters

The Floaters foi formada em 1976, na cidade de Detroit pelos ex-membros do Detroit Emeralds, James Mitchell e Marvin Willis, ficando mais conhecida com a explosão da faixa 'Float On' no número um do Rythm and Blues. Apesar do enorme sucesso em 1977, o cantor Charles Clark mais Larry Cunningham, Paul e Ralph Mitchell, e Jonathan Murray não foram capazes de sustentar a magia que eles tinham ao criar 'Float On'. Outros dois singles que tiveram boa performance, 'You Don't Have to Say You Love Me' e 'I Just Want To Be With You', demonstraram que Clark poderia ser um cantor efetivo de baladas, porém nenhuma delas alcançou o mesmo status nas paradas R&B.

The Floaters - 1977 - Float On

01. Everything Happens For A Reason
02. Float On (Long Version)
03. Got To Find A Way
04. I Am So Glad I Took My Time
05. I Bet You Get The One You Love
06. No Stronger Love
07. Take One Step At A Time
08. You Don't Have To Say You Love Me

The Floaters - Best Of

01. Float On [Single Version]
02. Everything Happens For A Reason
03. Got To Find A Way
04. I Am So Glad I Took My Time
05. I Bet You Get The One You Love
06. No Stronger Love
07. Take One Step At A Time
08. You Don't Have To Say You Love Me
09. Magic [We Thank You]
10. I Just Want To Be With You
11. L.A Magic
12. Levitation
13. Woman Love - You Are My Lady
14. Made Up My Mind
15. Float On [Long Version]

Informações e Links por email - Aqui

Information and links via email -
Here

Vanusa


Vanusa Santos Flores, ou simplesmente Vanusa (Cruzeiro, 22 de setembro de 1947), é uma cantora brasileira. Musa do "iê-iê-iê", foi sucesso na década de 1970 com Manhãs de setembro. Ao longo de sua carreira, gravou 23 discos e vendeu mais de um milhão de cópias. Representou o país em vários festivais internacionais e recebeu cerca de 200 prêmios. Por dois anos seguidos foi eleita a Rainha da Televisão. Entre os programas de televisão que participou estão o Qual é a Música? e o Aquarela Brasileira. Atualmente continua cativando o coração do público brasileiro. É mãe de três filhos: Rafael Vanucci, filho de Augusto César Vanucci e vencedor da segunda edição da Casa dos Artistas, Amanda e Aretha Marcos, filhas do cantor Antônio Marcos.



Vanusa - 1968 - Vanusa

01. Mundo Colorido
02. Eu Não Quis Magoar Você
03. Perdoa
04. Aonde Estás
05. Eu Sonhei O Meu Sonho Mais Lindo
06. Apaixonada
07. Negro
08. Mensagem
09. Pra Nunca Mais Chorar
10. Pode Ir Embora
11. Só Você
12. Cupido Me Acertou

Vanusa - 1969 - Vanusa

01. Meu Depoimento
02. Que Você Está Fazendo Neste Lugar Tão Frio
03. O Que É Meu É Teu
04. Teu Regresso
05. Espere
06. Hei Sol
07. Atômico Platônico
08. Sunny
09. Eu Sei Viver Sozinha
10. Hey Joe
11. E Você Não Diz Nada
12. Caminhemos

Vanusa - 1971 - Vanusa

01. 1971
02. O Dia E A Hora
03. Unchained Melody
04. Vai
05. Eu Vou Ser Eu
06. Cada Vez Mais Distante De Você
07. Ponte Aérea_ 15 Horas
08. Estou De Mal Com Você
09. Talvez (Maybe)
10. Agora Eu Sei (Where Are You Going To My Love)
11. Da Rua, Da Lua, Do Violão

Vanusa - 1973 - Vanusa

01. Manhãs De Setembro
02. Você Não Morreu
03. O Mago De Pornois
04. Quebra Cabeça
05. Neste Mesmo Lugar
06. What To Do
07. Estou Fazendo Hora
08. Coisas Pequenas
09. Quero Você
10. Retrato Na Parede
11. Mercado Modelo
12. Entre Cinzas

Vanusa - 1974 - Vanusa

01. Sonhos De Um Palhaço
02. Você Depende
03. Reza
04. Rascunho
05. Alumiou
06. Momentos De Amor
07. Sombras De Veludo
08. Súplica Cearense
09. Perto Das Estrelas
10. Coisas De Você
11. Sonhos Comuns
12. Noutros Dias Quem Sabe

Vanusa - 1975 - Amigos Novos e Antigos

01. Paralelas
02. Rotina
03. Amigos Novos E Antigos
04. Cinema Mudo
05. Congênito
06. Moleque
07. Amor Desempregado
08. Espelho
09. Muros De Alecrim
10. Coração Americano
11. Outubro
12. Vinho Rosé Da Rainha Sem Rei

Vanusa - 1977 - 30 anos

01. Estado De Fotografia
02. Brincando Com A Vida
03. Desencontro
04. A Aranha
05. Avôhai
06. Duas Manhãs
07. Lá No Pé Da Serra
08. Boas Festas
09. Só Nós Dois
10. Problemas
11. Prece De Caritas
12. Maria Madalena

Vanusa - 1979 - Viva Vanusa

01. Mudanças
02. Veja Só
03. Nino Rafael
04. Preocupada Com Você
05. Maria Dama Da Noite
06. Meu Nome É Noite Vadia
07. Gaiola Dourada
08. Sol E Lua
09. A Vida Não Pode Parar
10. Espacial

Vanusa - 1980 - Vanusa

01. Droga Maldita
02. Maria Maravilha
03. Mágica Loucura
04. A Escolha É Sua
05. À La Carte
06. Sem Maquiagem
07. Maria Benedita
08. Lado A Lado
09. Não Chore Por Mim
10. Todo Brilho Da Noite Pra Te Clarear
11. Brigas
12. Ser Mulher

Vanusa - 1981 - Vanusa

01. Folhas Do Tempo
02. Eu Sobrevivo (I Will Survive)
03. Esse Homem
04. Polivalente
05. Travessia
06. No Vidro Do Carro
07. S.O.S. Mulher
08. Rastros
09. Castigo
10. Quem Dera
11. Oração De São Francisco De Assis

Vanusa - 1982 - Primeira Estrela

01. Primeira Estrela
02. Panos Quentes
03. Estradas E Bandeiras
04. Daqui Pra Frente
05. Sempre Na Mira
06. Basta Um Dia
07. Voz Geral
08. Poeta
09. Cortinas
10. Cidade Dormente
11. Meu Cowboy
12. Resgate

Vanusa - 20 Super Sucessos

01. Mensagem
02. Manhas de setembro
03. Pra nunca mais chorar
04. Caminhemos
05. Paralelas
06. Mudancas
07. O Homem de Nazareth
08. Sonhos de um palhaco
09. Estou de mal com voce
10. Suplica cearense
11. Como vai voce
12. Se eu pudesse conversar com Deus
13. Eu tenho um amor melhor que o seu
14. Porque chora a tarde
15. Eu vou ter sempre voce
16. O que e meu e teu
17. Cheiro de luz
18. Droga maldita
19. Sem maquiagem
20. Era um garoto...

Informações e Links por email - Aqui

Information and links via email -
Here

Gary Glitter

Gary Glitter (Paul Francis Gadd, Banbury, Oxfordshire, 8 de maio de 1944) é um cantor e compositor de Glam rock que ficou muito popular nos anos 70.
Gary foi condenado várias vezes por pedofilia. Em 1999, passou quatro meses em uma prisão na Grã-Bretanha acusado de manter material com teor pornográfico infantil. Em 2002, foi expulso do Camboja e em 2008, foi libertado de uma prisão vietnamita após três anos de prisão por tentativa de molestar duas meninas. Em antecipação a sua libertação, o governo das Filipinas declarou que o cantor não é bem-vindo no país.



Gary Glitter - 20 Greatest Hits

01. Rock and Roll (Part 1 & 2)
02. I'm The Leader Of The Gang
03. Hello Hello I'm Back Again
04. Doing Alright With The Boys
05. I Didn't Know I Loved You (Till I Saw You Rock And Roll)
06. Do You Wanna Touch Me (Oh Yeah)
07. I Love You Love Me Love
08. Love Like You And Me
09. Remember Me This Way
10. Always Yours
11. Oh Yes, You're Beautiful
12. The Wanderer
13. Rock On
14. Baby Please Don't Go
15. You Belong To Me
16. The Clapping Song
17. Hard On Me
18. Good For No Good
19. Hands Up! It's A Stick Up
20. Rock And Roll Part I

Informações e Links por email - Aqui

Information and links via email -
Here

Cristy Lane

Eleanor Johnston, conhecida por seu nome profissional, Cristy Lane (nascida em 8 de janeiro de 1940) é uma cantora country americana e cantora de música gospel, mais conhecido por uma série de hits no final dos anos 70 e início dos anos 1980, incluindo a canção "One Day at a Time".
Casou com Lee Stoller (um homem de negócios e empresário), que gerencia a sua carreira, sendo seu empresário e publicitário.
O casal promoveu o trabalho de Lane através da televisão e da Internet, elevando as vendas mundialmente. A carreira de Cristy Lane começou a tomar forma em meados dos anos 70, depois de começar a gravar para a editora que pertence ao marido.
Seus primeiros singles, "Trying to Forget About You" e "Sweet Deceiver" foram lançadas em 1977, seguido por seu primeiro grande sucesso, "Let Me Down Easy" no final do ano. Depois de ter uma série de Top 10 e 20 hits país, ela assinou com a United Artists Records, e teve seu maior sucesso com "One Day at a Time", uma canção do Evangelho, que alcançou a posição # 1 no país.


Cristy Lane - 14 Golden Hymns

01. One Day at a Time
02. Just as I Am
03. Amazing Grace
04. Just a Closer Walk With Thee
05. Ave Maria
06. Away in the Manger
07. Rock of Ages
08. He's Got the Whole World in His Hands
09. Footprints in the Sand
10. Sweet Hour of Prayer
11. Precious Memories
12. Sing to the Lord
13. Standing on the Promises
14. The Lord's Prayer

Informações e Links por email - Aqui

Information and links via email -
Here

sábado, 3 de outubro de 2009

Aphrodite's Child

Aphrodite's Child

Aphrodite's Child foi uma banda grega de rock progressivo formada em 1968 pelo vocalista Demis Roussos, o multi-instrumentalista Vangelis Papathanassiou e o baterista Loukas Sideras. Depois de uma tentativa frustrada para entrar na Inglaterra, a banda reagrupou-se em Paris, onde o guitarrista Anargyros "Silver" Koulouris juntou-se a eles (embora ele fosse forçado a deixar a banda devido a prestação do serviço militar, com a guitarra e baixo sendo tocados por Roussos durante sua ausência).
A biografia do Aphrodite’s Child se mescla com a do artista Demis Roussos, o vocalista desse grupo. A partir dos 15 anos de idade, quando sua família mudou-se do Egito e voltou para a Grécia, Demis participou de vários grupos musicais. O primeiro, com 17 anos, The Idols, onde Demis tocava guitarra e baixo; os outros membros dos Idols: Jo (primo de Demis), Natis Lalaitis, Nikos Tsiloyan e Anthony.
Nessa época, Demis tinha de trabalhar para sustentar sua família. Já nesse grupo Demis começou a destacar-se como cantor, a partir do momento no qual foi solicitado para substituir o vocalista, que estava cansado, para cantar algumas canções (o que começou com “The House of the Rising Sun” e “When a Man Loves a Woman”).
Com o compositor Lakis Vlavianos, Roussos deu início à banda We Five, já como vocalista principal. Mas somente começou a ficar mais conhecido a partir de 1968, com a banda de rock progressivo Aphrodite’s Child, formada no Reino Unido, para a qual Demis associou-se a outros dois músicos gregos, respectivamente, Vangelis (ou Vangelis Papatanassiou) e Loukas Sideras, primeiramente como vocalista e depois também como guitarrista e tocador de baixo. Vangelis ficou como compositor principal e tocador de teclados, enquanto Loukas cuidava da bateria. No entanto, por falta de
permissão para trabalhar na Inglaterra, o grupo mudou-se para Paris, então atingida pela Revolução de Maio de 1968. O primeiro álbum foi Rain and Tears, o qual obteve tremendo sucesso e vendeu um milhão de discos apenas na França. Nos próximos anos, o desempenho do grupo foi excelente. Com a voz de estilo de ópera de Roussos, a banda passou a ter sucesso em nível internacional, inclusive com 666, o último álbum, que é considerado um ícone do rock progressivo. Logo após o lançamento dessa obra, por razões diversas, decidiram acabar com o grupo. Mas antes da dissolução, o Aphrodite´s Child estourou na Europa e outros países com grandes sucessos, tais como: Rain and Tears (Compositor: Vangelis, letrista = Boris Bergman); It’s Five O’clock, I Want to Live, End of the World e Spring, Summer, Winter and Fall.

Aphrodite's Child - 1968 - End Of The World

01. End Of The World
02. Don't Try To Catch The River
03. Mister Thomas
04. Rain And Tears
05. The Grass Is No Green
06. Valley Of Sadness
07. You Always Stand In My Way
08. The Shepherd And The Moon
09. Day Of The Fool

Aphrodite's Child - 1969 - It's Five O'Clock

01. It's Five O'clock
02. Wake Up
03. Take Your Time
04. Annabella
05. Let Me Love, Let Me Live
06. Funky Mary
07. Good Time So Fine
08. Marie Jolie
09. Such A Funny Night

Aphrodite's Child - 1972 - 666 (The Apocalypse Of John,13/18)

Cd 1

01. The System
02. Babylon
03. Loud, Loud, Loud
04. The Four Horsemen
05. The Lamb
06. The Seventh Seal
07. Aegian Sea
08. Seven Bowls
09. The Wakening Beast
10. Lament
11. The Marching Beast
12. The Battle Of The Locust
13. Do It
14. Tribulation
15. The Beast
16. Ofis

Cd 2

01. Seven Trumpets
02. Altamont
03. The Wedding Of The Lamb
04. The Capture Of The Beast
05. Infinity
06. Hic Et Nunc
07. All The Seats Were Occupied
08. Break

Aphrodite's Child - 1974 - Greatest Hits

01. I Want To Live
02. Such A Funny Night
03. Rain And Tears
04. Let Me Love, Let Me Live
05. You Always Stand In My Way
06. Don't Try To Catch A River
07. It's Five O'Clock
08. Marie Jolie
09. Spring, Summer, Winter And Fall
10. Valley Of Sadness
11. Break
12. End Of The World

Aphrodite's Child - 1980 - Best Of

01. Spring, Summer, Winter & Fall
02. Such A Funny Night
03. I Want To Live
04. You Always Stand In My Way
05. Rain And Tears
06. Me Let Me Love, Let Me Live
07. Don't Try To Catch A River
08. It's Five O'Clock
09. Wake Up
10. End Of The World


Aphrodite's Child - 1996 - Complete Collection

CD 1

01. Plastics Nevermore
02. The Other People
03. Rain And Tears
04. Don't Try To Catch A River
05. End Of The World
06. You Always Stand In My Way
07. Mister Thomas
08. The Grass Is No Green
09. Valley Of Sadness
10. The Shepherd And The Moon
11. Day Of The Fool
12. Quando L'amore Diventa Poesia
13. Lontano Dagli Occhi
14. I Want To Live
15. Magic Mirror
16. Let Me Love, Let Me Live
17. Marie Jolie
18. It's Five O'clock
19. Wake Up
20. Take Your Time


CD 2

01. Such a Funny Night
02. Annabella
03. Good Time So Fine
04. Funky Mary
05. Spring, Summer, Winter and Fall
06. Air
07. Break
08. Babylon
09. The Four Horsemen
10. The Lamb
11. The Seventh Seal
12. Aegian Sea
13. Lament
14. The Marching Beast
15. Hic Et Nunc
16. All the Seats Were Occupied

Aphrodite's Child - 2001 - The Singles

01. Plastics Nevermore
02. The Other People
03. Rain And Tears
04. Don't Try To Catch A River
05. End Of The World
06. You Always Stand In My Way
07. Valley Of Sadness
08. Mister Thomas
09. Quando L' Amore Diventa Poesia
10. Lontano Dagli Occhi
11. I Want To Live
12. Magic Mirror
13. Let Me Love, Let Me Live
14. Marie Jolie
15. It's Five O'Clock
16. Wake Up
17. Spring Summer Winter And Fall
18. Air
19. Such A Funny Night
20. Annabella
21. Break
22. Babylon

Aphrodite's Child - 2002 - Babylon The Great
An Introduction To Aphrodite's Child

01. Other People
02. You Always Stand in My Way
03. Valley of Sadness
04. Grass Is So Green
05. Day of the Fool
06. Shepherd and the Moon
07. Magic Mirror
08. Funky Mary
09. Let Me Love, Let Me Live
10. Chakachak
11. Loud, Loud, Loud
12. Four Horsemen
13. Aegian Sea
14. Lament
15. Break

Informações e Links por email - Aqui

Information and links via email -
Here

The Human League

The Human League

The Human League é uma banda britânica New Wave/synthpop formada no final da década de 1970 (1977), tendo atingido grande popularidade na década de 1980 e regressado depois em meados dos anos 90. Originalmente um grupo pós-punk de sintetizadores de Sheffield, Inglaterra, a sua composição tem-se alterado ao longo dos anos, sendo que o único membro original ainda na banda é o vocalista e songwriter Phil Oakey. Em seu repertório, destacam-se Human , Don't you Want Me e Open your heart.

Human League, The - 1979 - Reproduction

01. Almost Medieval
02. Circus Of Death
03. The Path Of Least Resistance
04. Blind Youth
05. The World Before Last
06. Empire State Human
07. My Morale...You've Lost That Lovin' Feelin'
08. Austerity/Girl One (Medley)
09. Zero As A Limit
10. Introducing
11. The Dignity Of Labour (part 1)
12. The Dignity Of Labour (part 2)
13. The Dignity Of Labour (part 3)
14. The Dignity Of Labour (part 4)
15. Flexi Disc
16. Being Boiled (Fast Version)
17. Circus Of Death (Fast Version)

Human League, The - 1980 - Travelogue

01. The Black Hit Of Space
02. Only After Dark
03. Life Kills
04. Dreams Of Leaving
05. Toyota City
06. Crow And A Baby
07. The Touchables
08. Gordon's Gin
09. Being Boiled
10. WXJL Tonight
11. Marianne
12. Rock 'N' Roll/Night Clubbin
13. Dancevision
14. Tom Baker
15. Boys And Girls
16. I Don't Depend On You
17. Cruel

Human League, The - 1981 - Dare!

01. The Things That Dreams Are Made Of
02. Open Your Heart
03. The Sound Of The Crowd
04. Darkness
05. Do Or Die
06. Get Carter
07. I Am The Law
08. Seconds
09. Love Action (I Believe In Love)
10. Don't You Want Me

Human League, The - 1982 - Love & Dancing
* The League Unlimited Orchestra

01. Hard Times
02. Love Action (I Believe In Love)
03. Don't You Want Me
04. The Things That Dreams Are Made Of
05. Do Or Die
06. Seconds
07. Open Your Heart
08. Sound Of The Crowd

Human League, The - 1984 - Hysteria

01. I'm Coming Back
02. I Love You Too Much
03. Rock Me Again And Again And Again And Again And Again...
04. Louise
05. The Lebanon
06. Betrayed
07. The Sign
08. So Hurt
09. Life On Your Own
10. Don't You Know I Want You


Human League, The - 1986 - Crash

01. Money
02. Swang
03. Human
04. Jam
05. Are You Ever Coming Back
06. I Need Your Loving
07. Party
08. Love On The Run
09. The Real Thing
10. Love Is All That Matters

Human League, The - 1990 - Romantic?

01. Kiss The Future
02. A Doorway
03. Heart Like A Wheel
04. Men Are Dreamers
05. Mister Moon And Mister Sun
06. Soundtrack To A Generation
07. Rebound
08. The Stars Are Going Out
09. Let's Get Together Again
10. Get It Right This Time

Human League, The - 1995 - Octopus

01. Tell Me When
02. These Are The Days
03. One Man In My Heart
04. Words
05. Filling Up With Heaven
06. House Full Of Nothing
07. John Cleese;Is He Funny?
08. Never Again
09. Cruel Young Lover

Human League, The - 2001 - Secrets

01. All I Ever Wanted
02. Nervous
03. Love Me Madly
04. Shameless
05. 122.3 BPM
06. Never Give Your Heart
07. Ran
08. The Snake
09. Ringinglow
10. Liar
11. Lament
12. Reflections
13. Brute
14. Sin City
15. Release
16. You'll Be Sorry

Human League, The - 2002 - The Golden Hour Of The Future

01. Dance Like A Star
02. Looking For The Black Haired Girls
03. 4JG
04. Blank Clocks
05. Cairo
06. Dominion Advertisement
07. Dada Dada Duchamp Vortex
08. Daz
09. Future Religion
10. Disco Disaster
11. Interface
12. The Circus Of Doctor Lao
13. Reach Out (I'll Be There) [Instrumental]
14. New Pink Floyd
15. Once Upon A Time In The West
16. Overkill Disaster Crash (V.1)
17. Year Of The Jet Packs
18. Pulse Lovers
19. King Of Kings
20. Last Man On Earth

Informações e Links por email - Aqui

Information and links via email -
Here